Terça-feira, 23 de Dezembro de 2008

Vulcão


'An eruption of Vesuvius' de Joseph Wright
                                 “An eruption of Vesuvius”  de Joseph Wright


Tenho todas as esperanças
possíveis:
das ausências que esperam
às presenças que subtraem
e ficam pálidas,
nesse silêncio de ecos...

Preciso de todas as fantasias,
mas só contemplo minha ansiedade,
onde carências
passeiam em mim
todas as manhãs
e noites...

Essas aves geladas
são companheiras fiéis,
são rotina...

Mas, ainda assim, espero
rir, amar e cantar,
expandindo toda a chama
de meus sentimentos
abafados,
como vulcão
que dorme.


De: João Costa Filho


 


publicado por jpcfilho às 14:01
link do post | comentar | favorito
|
9 comentários:
De oriona a 25 de Dezembro de 2008 às 23:57
Olá João, como estás? Feliz Natal amigo!!
Eu lembro deste poema tão lindo e misterioso.
Ah que saudade de ler suas palavras tão belas que me permitem sonhar.

"Mas, ainda assim, espero
rir, amar e cantar,
expandindo toda a chama
de meus sentimentos
abafados,
como vulcão
que dorme."

Deixo meu carinho e um forte abraço!


De oriona a 27 de Dezembro de 2008 às 16:52
E o vento dirá palavras em harmonia e levará com ele as lágrimas, balançara os fios de cabelo e contará histórias e os sorrisos trarão as noites poéticas de luar, o toque das mãos unirão passos que caminham em busca da felicidade.

Assim, em minhas ilusões eu desejei um dia!

Um maravilhoso ano novo para ti!


De Sonhosolitario a 30 de Dezembro de 2008 às 01:38
http://fotos.sapo.pt/YJhHb3nNte0AurjApE0o/
feliz ano novo
um abraço
sonhosolitario


De Lu Rosario a 30 de Dezembro de 2008 às 02:25
Oi, meu anjo.

Feliz Ano Novo!!!

A esperança, é sim, a ultima que morre!

Beijooooos!

* To com o Sem Pudor em novo endereço. Vê se vc gosta.



De Lu Rosario a 31 de Dezembro de 2008 às 17:21
Foi muito bom recebe-lo em meu blog, em meu novo blog.. aogra n perderei mais os meus comentarios..rsrsrsrs... foi por isso que eu mudei de blog. Espero que ele seja bem visto e tão visitado quanto os outros.

Tenha um feliz 2009 com tudo o que tem direito.

Beijão!


De TiBéu ( Isa) a 31 de Dezembro de 2008 às 17:52
Natal 2008 087.jpg


De mada a 31 de Dezembro de 2008 às 18:06
JC, muitas alegrias, paz, saúde, sorte e sucesso em 2009. Um grannnddeee abraço!


De Ana João a 31 de Dezembro de 2008 às 20:10
bom ano

beijo,
impressaodigital


De M.Luísa Adães a 1 de Janeiro de 2009 às 19:28
João

Foi possível escrever através do computador do Eduardo Adães (filho). publiquei no m/ blogs "SILÊNCIO" - como possível - conta um "estado de alma" triste e melancólico, mas meu - apenas meu!
Continuo por mais uns tempos em São paulo.
Novo Ano feliz para ti e tua familia, se possível lê o que escrevi e chora comigo ...

Expande toda a chama dos teus sentimentos, nesse vulcão que arde dentro de ti e as minhas lágrimas vão apaziguar essas chamas de tormentos, de carências, de ausências e esperanças ...
mas chora comigo ... por favor! E ama o poema, onde a Magguie se apresenta, ele própria, figura real com o m/filho e sente a saudade que eu transmito e manda
"calar todas as vozes e se faça Silêncio"...

Com saudade,

maria Luísa


Comentar post

.Ao som de:


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 15 seguidores

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ficastes

. Quase ontem

. Denúncia

. ADEUS, AMIGO

. ...

. Bendito fruto

. ...

. Amor animal

. Interiores

. A partida

.Link em selo



.tags

. todas as tags

.pesquisar

 

.subscrever feeds