Domingo, 10 de Fevereiro de 2008

Os Crimes do poeta


'A dead Poet being carried by a Centaur' de Gustave Moreau

“A dead Poet being carried by a Centaur”  de Gustave Moreau


Nada posso saber
e nada sei desses crimes
de abjurações.
Talvez, crime hediondo?...
Mas deve ser ele
o culpado.
Um sujeito que beija colibris,
que carrega o mapa dos caminhos
e se perfuma nos raios de lua...
Que se banha no orvalho,
que conversa com os peixes
e os pássaros,
com avencas, dálias
e, com rosas, tira prosa...
Que usa um gafanhoto na lapela,
que assobia e sussurra
o nome Dela,
que atravessa a ponte,
para beber a água da fonte
e da sabedoria...
Que tem intimidades
com o arco-íris,
que deita e dorme
na Via Láctea,
que faz louvação
às noites estreladas,
onde a solidão é nada...
Que conhece
a linha do horizonte,
que tem os pés
em todos os rios,
que se perde no labirinto
dos sonhos,
que carrega consigo
muitas catedrais,
que fala, corretamente,
o idioma dos absurdos,
que entende, preferencialmente,
os loucos,
que é dono dos prantos
e reclamos
das coisas do amor...
Que é vizinho da dor,
que vive nas nuvens
e sabe tudo dos grilos
e dos ventos uivantes...
Que desabrochou as margaridas
e os lírios do campo...
Só pode ser ele!
(quem mais seria?...)
O poeta!
Recomendo a pena capital.


De: João Costa Filho


publicado por jpcfilho às 05:31
link do post | comentar | favorito
|
11 comentários:
De Iduna a 10 de Fevereiro de 2008 às 20:06
Belo poema, com uma bela descrição... E com uma grande verdade lá contida.
O poeta é aquele que sente o que mais ninguém sente, vê o que ninguém viu... Passeia por trilhos belos mas perigosos. Tantas vezes é ele condenado... Tantas vezes intitulado de louco...
Gostei do blog e prometo cá voltar.


De paulovilmar a 11 de Fevereiro de 2008 às 03:19
João!
Concordo com tudo, pena capital é pouco...
Abraços!


De Secreta a 11 de Fevereiro de 2008 às 11:25
Recomendo a absolvição!
Beijito.


De efeneto a 12 de Fevereiro de 2008 às 11:12
...pode crer que é a nossa sina...bela ode á arte de poetizar. O reflexo de muitos aqui magistralmente descrito. Abraço e boa semana.


De TiBéu ( Isa) a 13 de Fevereiro de 2008 às 00:13
Passei aqui um bocadinho a ouvir esta maravilhosa musica, que tranquilidade. bj


De Sonhosolitario a 13 de Fevereiro de 2008 às 17:32
ola amigo João merece um grande abraço por este poema grnade amigo .um muito obrigado esta de mais .esta a rigor ,como mandam as regas ,desejo-lhe tambemum resto de uma semana ,cheia de felicidade .conjuntamente com que mais adora ao seu lado ,,são os votos deste seu amigo ..
sonhosolitario


De carla granja a 14 de Fevereiro de 2008 às 13:04
um lindo poema onde a verdade está em cada frase que se lê ,paarbens. hje deixo um poema e espero por ti . um bom dia dos namorados se bem que para mim é um dia igual aos outros
bjo
carla granja


De Bruxinhachellot a 14 de Fevereiro de 2008 às 18:29
Bem já que é assim, fico feliz em ser condenada junto com todos os poetas do mundo.
Belíssimo!

Beijos de dias melhores.


De Sonhosolitario a 15 de Fevereiro de 2008 às 07:45
ola amigo João passei para te desejar um fim de semana.COM TUDO DE BOM PRA VOCÊ!!!

-:¦:-¨`*:. .:*¨'-:¦:-
-:¦:- -:¦:-
-:¦:- COM MUITO -:¦:-
-:¦:-¨`*:. .:*¨'-:¦:- -:¦:-
-:¦:- ' -:¦:- -:¦:-
-:¦:- A M O R -:¦:--:¦:-
-:¦:- -:¦:--:¦:-
-:¦:- -:¦:-
-:¦:- -:¦:-:¨`*:. .:*¨'-:¦:-
-:¦:- ' -:¦:-
-:¦:- COM MUITO -:¦:-
-:¦:-¨`*:. .:*¨'-:¦:- -:¦:-
-:¦:- ' -:¦:- -:¦:-
-:¦:- CARINHO -:¦:--:¦:-
-:¦:- -:¦:--:¦:-
-:¦:- -:¦:-
-:¦:- -:¦:-
: ? ? ? -:¦:-
*´¨)? ? ?
¸.•´¸.•*
¸.•´¸.•*... ¸.•*¨)
um abraço
solitario


De Maria a 15 de Fevereiro de 2008 às 09:44
Bom dia João.
Eu quero morrer
nos braços das palavras
que por aqui se cruzam
com todas as letras
escritas no vento
que me levam
ao supremo sorriso
do pensamento
ao poeta, pois que somos
muitos em declarações
eternas de sentir
sensibilidade amor.
Maria

Espero que gostes e que o teu fim-de-semana seja perfeito.
Beijinhos e um sorriso
Maria


Comentar post

.Ao som de:


.mais sobre mim

.posts recentes

. Ficastes

. Quase ontem

. Denúncia

. ADEUS, AMIGO

. ...

. Bendito fruto

. ...

. Amor animal

. Interiores

. A partida

.arquivos

. Maio 2012

. Abril 2012

. Setembro 2011

. Junho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

.Link em selo



.links

.pesquisar

 

.subscrever feeds