Quarta-feira, 28 de Maio de 2008

ELA

 
 
 
Tempo, versos
poemas, poetas
inamovíveis
passado, lua de prata
cenários, serenatas
ELA
Amigos, boemia
Canções, corações
Contos, conto?
ELA
Estrelas cadentes
músicas, arrebol
mágica, mágicos
momentos, eternindade.
ELA
Vagares, melancolia.
Saudades
doação, amor, dor
cortinas de lembranças.
ELA
Vida maior, pujante
pungente, dormente
superlativa.
Nunca adeus.
ELA
 nunca mais...
 
João Costa Filho
 
 
 
 
 
 

 


publicado por jpcfilho às 23:03
link do post | comentar | favorito
|
8 comentários:
De TiBéu ( Isa) a 28 de Maio de 2008 às 23:09

Image
Uma oferta que faço a este blog com muito prazer. bj


De ana poeta. a 29 de Maio de 2008 às 16:04
J.C.Filho.

Ela

Ela que fragmenta-se em teu pensamento;
Ela que lhe causa tanto tormento;
Ela que inspira o teu lamento,
Ela que esconde-se no labirinto
das tuas emoções.
Ela apenas ela.


ana poeta.
Beijos Poéticos.
;**


Versos fortes e intrigantes...


De Bruxinhachellot a 29 de Maio de 2008 às 20:54
Um jogo de palavras surpreendente.

Beijos peregrinos.


De Eärwen Tulcakelumë a 29 de Maio de 2008 às 23:35
A poesia é o maior presente aos nossos corações que podem cantar em versos os sentimentos que neles estão a vagar.

Pérolas incandescentes de energias positivas.

Eärwen



De seforis a 30 de Maio de 2008 às 01:20
Até que volte outra vez :-) Olá


De carla granja a 30 de Maio de 2008 às 02:00
ola amigo! uma linda poesia onde as palavras fazem realçar este lindo poema
amigo,hje o meu blog faz um ano e espero ca por ti
bjos e bom fim de semana
carla granja


De MARYAM a 30 de Maio de 2008 às 05:07
Olá,João!
Te vi no blog da Eärwen e o título Espelho de Sombras me chamou a atenção!
Então,resolvi te conhecer!
Lindos poemas,gostei muito!
Qdo puder conheça meu blog ,que é uma Narrativa de uma Vida,chamado "Vidas da Vida" !
Beijos,
Maryam.


De cõllybry a 31 de Maio de 2008 às 00:20
Ela...Eles...Que se guarda em coração dormente...
Sempre uma delicia de poesia, Poeta

Doce beijo


Comentar post

.Ao som de:


.mais sobre mim

.posts recentes

. Ficastes

. Quase ontem

. Denúncia

. ADEUS, AMIGO

. ...

. Bendito fruto

. ...

. Amor animal

. Interiores

. A partida

.arquivos

. Maio 2012

. Abril 2012

. Setembro 2011

. Junho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

.Link em selo



.links

.pesquisar

 

.subscrever feeds