Terça-feira, 5 de Dezembro de 2006

Vulcão


'An eruption of Vesuvius' de Joseph Wright
                                 “An eruption of Vesuvius”  de Joseph Wright


Tenho todas as esperanças
possíveis:
das ausências que esperam
às presenças que subtraem
e ficam pálidas,
nesse silêncio de ecos...

Preciso de todas as fantasias,
mas só contemplo minha ansiedade,
onde carências
passeiam em mim
todas as manhãs
e noites...

Essas aves geladas
são companheiras fiéis,
são rotina...

Mas, ainda assim, espero
rir, amar e cantar,
expandindo toda a chama
de meus sentimentos
abafados,
como vulcão
que dorme.


De: João Costa Filho



publicado por jpcfilho às 21:07
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De Mel de Carvalho a 13 de Dezembro de 2006 às 10:00
Tornou-se uma necessidade vir "voar" contigo ...
e, amigo, estou "encostada às bozes --- saúde" ... tenho todo o tempo do Mundo

***
"Essas aves geladas
são companheiras fiéis,
são rotina..."
São um olhar poema
que me seduz e me fascina
são a nudez espalhada
nos horizontes incontornados
de um palco glorificado
onde, adormecida a Vida,
o ponto, nos fala de um passado
em que o Futuro, parado, se espelha
e já demora ...

Bjs amigo
Foi o que saiu ...
recebe como um carinho (que adoro continuar poemas ...é mesmo um "vício" ).


De jpcfilho a 14 de Dezembro de 2006 às 07:52
Olá Mel, a continuar assim faremos a mor parceria, além, dos dois lados do Atlantico. Fora a honra de escrever com poeta de tal verve. Gostei. beijos.


Comentar post

.Ao som de:


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 16 seguidores

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ficastes

. Quase ontem

. Denúncia

. ADEUS, AMIGO

. ...

. Bendito fruto

. ...

. Amor animal

. Interiores

. A partida

.Link em selo



.tags

. todas as tags

.pesquisar

 

.subscrever feeds