Segunda-feira, 23 de Abril de 2007

Tenho dito!


'Comedy and Tragedy' de Eric Kamp
                                            “Comedy and Tragedy”  de Eric Kamp


Já abusei das frases
de efeito,
já cansei as metáforas
e palavras rebuscadas,
fingi conhecimentos
com iluminados discursos,
disse palavras de mel,
usei o amor e a dor,
e os desvalidos,
e os solitários,
e minha solidão,
e todos os artifícios,
e cópias, e remendos,
e me isento plagiário,
quando plagio.
Para fazer apenas
um pequeno verso,
tudo tenho feito:
falar do que sinto,
da agonia de estar só,
de não reconhecer
na multidão
minha redenção.
E vou fingindo ser
o que não sou,
dizendo que nada sei
e fugindo das interrogações
ou questionamentos.
E, por covardia, me ausento
e me perco,
quando me encontro.


De: João Costa Filho



publicado por jpcfilho às 22:09
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De zalinha a 24 de Abril de 2007 às 12:47
Nenhum caminho é longo demais quando um amigo nos acompanha.

Com este pensamento deixo tb meu beijo e meu sorriso:9


De jpcfilho a 24 de Abril de 2007 às 23:58
Olá Zalinha, obrigado pela companhia e pela amizade. beijos


Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 16 seguidores

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ficastes

. Quase ontem

. Denúncia

. ADEUS, AMIGO

. ...

. Bendito fruto

. ...

. Amor animal

. Interiores

. A partida

.tags

. todas as tags

.pesquisar

 

.subscrever feeds