Quarta-feira, 25 de Março de 2009


'Dust bowl' de Alexandre Hogue
                                           “Dust bowl”  de Alexandre Hogue


Não tenho nome,
não tenho pátria,
não sou ninguém,

nada sou.
Não tenho casa
nem religião.
Nenhuma crença extra.
Não torço por times,
não canto louvores.
Nunca tive mestres
nem nada.
Sou apenas um pária
arredio
que pensa o planeta
sem geografias, sem fronteiras,
sem aleluias
ou joelhos no chão.
O chão que dá frutos,
o chão que é meu,
o chão de meu DNA,
em qualquer hemisfério
ou latitude...
Sei que sou terra
e sei que ela sou eu.
Não tenho sabedoria.
Só tenho contemplação
e a espera de voltar para
de onde vim.
Não sou de esquerda,
não sou de direita.
Estou à esquerda da direita
e à direita da esquerda
e sempre rio dessas bandeiras
e de suas múltiplas bondades
ou de seus fanáticos apegos.
Não me enterrem com bandeiras.
O meu estandarte é o mundo
e eu, um grão cósmico.
Apenas observo
a infinitude
de ser poeira
ou menos...
Muito menos!...


De: João Costa Filho


 


publicado por jpcfilho às 18:45
link do post | comentar | favorito
17 comentários:
De paulovilmar a 26 de Março de 2009 às 14:49
João!
E neste menos ser, torna-se um gigante, ao mostrar-nos as mazelas humanas... belíssimo poema!
Abraços.


De Secreta a 26 de Março de 2009 às 17:00
"Poeira" que completa o mundo , sem dúvida alguma!
Beijito.


De Lu Rosario a 28 de Março de 2009 às 12:41
Como se poder ser nada e ser terra?!
Isso ta complicado por demais para mim.

O nada é um vácuo, o escuro, o vazio.. o Nada simplesmente..rsrs e será que nada é algo q existe?

Nossa! Prefiro parar por aqui.. e não ficar pensando em nada para mn começar a filosofar..rsrs

E quer dizer que vc abriu mãod e comer acaraje com a baiana aqui?! Num creio...hehehe

Beijos, João!


De Cöllyßry a 28 de Março de 2009 às 19:23
Então não é????Sim um belo de um Poeta...

Intensamente,delicioso

Doce beijo


De M.Luísa Adães a 30 de Março de 2009 às 09:54
João

"Não tenho nome
não tenho Pátria
não sou ninguém"

o não ter nada,
o não ser nada,
o não sentir nada,
e ser terra?

Terra é ser alguma coisa!


Nada, é ser alguma coisa,
um grão de areia no deserto
é ser alguma coisa.

acaba por ser tudo,
mas de forma diferente...

Até a diferença,
é alguma coisa.

Então é Tudo
e eu,
contradigo o poeta.

Mas é um bom poema!

Beijos,

Mª. Luísa


De Secreta a 31 de Março de 2009 às 09:44
Olá , vim visitar-te.
Deixo um beijo.


De Sonhosolitario a 31 de Março de 2009 às 14:32
olá amigo JpcFilho,com todo meu respeito pelo seu blog e pelo amigo ,não quero comentar nada ,porque o amigo está fora de tudo e o respeito é muito lindo,
eu tenho muito respeito pelo meu amigo virtual JPC Filho.
fiquei muito triste daquilo que vi aqui no seu blog ,de comentario que nada corresponde a verdade ! e é triste um pessoa ser julgado em asta publica inocente .
no dia 9 de março 2009,
desculpa amigo não vou mais longe ,tenho muito respeito pelo meu amigo,
vou deixar ao criterio de qualquer um,porque temos de ser fortes nos momentos baixos ,e eu não quero ser baixo como esse senhor que comentou isso,
um grande abraço .desejo-lhe muita saúde paz e muito amor cheio de felicidade ao seu redor .
Sonhosolitario


De Sonhosolitario a 4 de Abril de 2009 às 00:27
olá amigo Jc filho bom dia ,obrigado pela sua visita ao meu blog e pelas suas sinceras palavras de amigo virtual .eu entendo tudo,so tenho a pedir desculpa ao amigo ,por tal ter acontecido .
um abraço deste seu amigo ,e um bom fim de semana com muita saude e muita paz e felicidade ,
sonhosolitario


De Maria a 4 de Abril de 2009 às 23:19
Olá joão espero que estejas bem.
Nesse pó existe o renascer de todos os dias, ainda que a vida seja só uma metade.
Lindo poeta.
Beijinhos e um sorriso
Maria


De oriona a 5 de Abril de 2009 às 01:58
Não te abandonarei jamais meu anjo querido e saiba que se procurares outro amor eu estarei na essência deste também...eternamente...
Eu estou bem, obrigada por vir, fico muito feliz com sua visita, muitas coisas estão acontecendo nesses dias, muitas mudanças. Eu também cheguei a pensar que vc havia me abandonado. rsrsrs, bom saber que não.

Muitos, muitos beijos para ti!!!

Oriona


Comentar post

.Ao som de:


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 16 seguidores

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ficastes

. Quase ontem

. Denúncia

. ADEUS, AMIGO

. ...

. Bendito fruto

. ...

. Amor animal

. Interiores

. A partida

.Link em selo



.tags

. todas as tags

.pesquisar

 

.subscrever feeds