Sábado, 17 de Abril de 2010

As palavras


'Still life with atributes of the Arts' de Jean-Baptiste Simeon ChardinA
                  "Still life with atributes of the Arts"  de Jean-Baptiste Simeon Chardin


As palavras são
o sal de minha alma,
o meu sustento externo
e de onde tiro tudo
de que preciso,
para meu deleite.
Soubesse eu melhor
usá-las ou cavalgá-las,
pouco me faltaria
para dizer-te
coisas amáveis
e outras esquecidas.
Dizê-las com pujança,
com amor,
com laivos de tristeza
ou bonomia,
a misturar nossos mundos
aos verbos e sintaxes,
solecismos, adjetivos
e teus predicados,
que me seduzem,
que me enternecem,
sempre que estás
e quando não estás...
Necessito domá-las, decodificá-las,
extrair sua essência maior,
sufragá-las em mim
e fazer-te um verso...


De: João Costa Filho



publicado por jpcfilho às 19:23
link do post | comentar | favorito
10 comentários:
De Lu Rosario a 17 de Abril de 2010 às 22:22
As palavras têm um poder enorme.. e através das palavras eu não tenho duvida de que seja um belo poeta, assim como também..uma pessoa de coração imenso.

Te adoro demais.

Beijão!


De M.Luísa Adães a 24 de Abril de 2010 às 11:19
joão

Aqui estou ao encontro de teus versos.
E desculpa as palavras que fogem, desaparecem, voam, se colam como estalactites e de repente
caem e correm de novo, ao encontro de outras Gentes.

Sem elas, não podes dizer as coisas belas que dizes
e tu sabes usá-las.

Mas elas, voláteis como o fumo
por vezez voam e não as apanhamos
quando corremos.

"Necessitas domá-las para teu sustento
e teu alento".

E o fazes! Tu sabes, como viver com elas!

Lindos teus versos.

beijos,

Mª. Luísa


De M.Luísa Adães a 25 de Abril de 2010 às 10:27
joão

Continuo a mexer nas Palavras, sem te fazer um verso.


Me esqueci de muitas pelo caminho
que tenho percorrido
e neste instante,
faltam-me as palavras,
muitas palavras...



Mª. Luísa


De vieira calado a 26 de Abril de 2010 às 01:51
Deixo-lhe as minhas saudações.


De Lu Rosario a 8 de Maio de 2010 às 01:46
To aqui para provar que nçao lhe abandono nuuuunca.. tenho post novo, aparece lá!

Beijão, my love.


De M.Luísa Adães a 11 de Maio de 2010 às 16:50
João

Também tu te estás a afastar do blogs e de escreveres teus belos versos.

Também sinto o mesmo. Isto é uma transformação que se está a dar na net e as pessoas correm para
as novidades apresentadas.

Eu estou a escrever no google.
Escrevi uma prosa no sapo e só vou voltar mais
tarde. Sinto-me e estou como tu.
Dos muitos amigos, ficaram cerca de 5 e eu vou ao
google e deixo meus versos. Me aparecem mais do
que os 5 do Sapo, mas esses são mesmo amigos, como tu.
Mas a amizade não morre e aqui está a prova dessa verdade.
Eu te estou escrevendo e quero sempre saber de ti.

Beijos,

Mª. Luísa



De Esyath Barret a 12 de Maio de 2010 às 18:45
João,

pôxa... eu estava pensando... as palavras realmente me dominam... elas permeiam cada milímetro de neurônio que roma meu cérebro... Mas eu não tenho controle sobre elas... É como se elas jorrassem, expondo quem sou... Mas eu não consigo cavalgá-las, domá-las, e isso é... exasperante... porque muitas vezes quero usá-las e delas abusar, para poder tornar mais feliz a vida de quem amo, e a minha própria... mas simplesmente não consigo... O que é uma grande pena...

Beijos (Des)conexos!


De Lu Rosario a 14 de Maio de 2010 às 00:49
João, meu amor, claro que precisamos um do outro.. momentos de solteirice vem e vão. Precisamos, sim, da costelinha do outro para conversarmos..dividirmos momentos.. amarmos eternamente, nem que seja por pouco tempo. Tu bem sabes como sou, por isso não me interpretes mal.
Sem contar que assim como nós, mulheres, usamos e abusamos do homens..assim eles fazem com a gente e, então, vivenciamos isso que é tão gostoso.

To te esperando aqui na Bahia, viu bichinho?


De Júnior( do magal) a 7 de Novembro de 2011 às 14:09
Geniais,grandiosas,galantes,graciosas...gemas raras; parabéns João Costa.Gravas a arte poética para nós, como Gavras faz(fez) com a sétima arte. Parabéns


De jpcfilho a 11 de Novembro de 2011 às 07:40
Amigo Junior, agraqdeço de coração tuasa palavras, e espero que curtas o bastante por ai. Estopu parado ha mais de dois anos , mas rtalvez resolva colocar tudo isso em um livro.
Obrigado
do amigo
João Costa Filho
PS, ainda estou curtindo uma ressaca mortal


Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 15 seguidores

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ficastes

. Quase ontem

. Denúncia

. ADEUS, AMIGO

. ...

. Bendito fruto

. ...

. Amor animal

. Interiores

. A partida

.tags

. todas as tags

.pesquisar

 

.subscrever feeds