Sábado, 19 de Novembro de 2005

Espiando


'Silent observer' de Alfred Gockel
                           "Silent observer"  de Alfred Gockel


Estou te espiando.
Sempre estarei
Espiando-te passar
E não falar.
Eu também não falo,
Por conta de copiosa timidez,
Mas te vigiar eu posso,
Espiar também,
Pois não tira pedaço
Nem é infeccioso
E ainda por cima não mordo.
Pelo contrário,
Quero apenas te olhar
E te fazer carícias imaginárias
Visto que não sei se
Te interessaria a verdade,
Quando eu te olharia
Com esses olhos tão grandes,
Te cheiraria
Com esse nariz tão grande
E essa boca.
Ah!... Essa boca enorme!...
É pra te bendizer!


De: João Costa Filho



publicado por jpcfilho às 23:26
link do post | comentar | favorito

.Ao som de:


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 15 seguidores

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ficastes

. Quase ontem

. Denúncia

. ADEUS, AMIGO

. ...

. Bendito fruto

. ...

. Amor animal

. Interiores

. A partida

.Link em selo



.tags

. todas as tags

.pesquisar

 

.subscrever feeds