Quarta-feira, 12 de Julho de 2006

Amar-te


'Reclining nude' de Frédéric Bazille
                                              “Reclining nude”  de Frédéric Bazille


Todos os poemas
falam de ti.
Dizem lascívias,
dizem da vida,
falam de desejos
e viagens a Eros e Tânato.
Em muitos desejos,
tudo natureza
em performance
de perpetuação,
estabelecendo, aí,
loucuras de amor,
doudo amor,
um recado de Deus
no pecado venial.
A síntese, o prazer,
a pele, o sangue
clamam, reclamam
tua nudez,
teu aroma de mulher,
a carne trêmula
de alma consumida,
eternizando o bem
maior,
o simples viver,
louvar, tocar, sentir
e, simplesmente, amar.
O resto pouco importa.


De: João Costa Filho



publicado por jpcfilho às 22:26
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De TiBéu ( Isa) a 13 de Julho de 2006 às 08:44
Gostei muito do que li.Vim deixar um beijo e dizer que só volto em 1 de Agosto. Obrigada pela tua visita
tibeu


De jpcfilho a 13 de Julho de 2006 às 23:42
Tibeu querida, muito sempre obrigado pelas palavras e a visita.... espero que volte breve. beijos.


De Sílvia a 13 de Julho de 2006 às 21:15
Amar...este é um tema abordado em poemas, filmes, obras, telenovelas...não há dúvidas que o amor move montanhas...além disto modifica o nosso batimento cardíaco, faz com que fiquemos corados...é um sentimento em grande escala...penso que quem ama e é correspondido é sem dúvida feliz...isto porque penso que o amor está acima de todas as outras coisas...sem amar não se pode ser feliz...
Eu falo por experiência própria pois sempre coloquei o meu futuro acima do resto do mundo...passei semanas e fins de semana a lutar pelo meu futuro e independência económica e ...no fim...com quem partihei a felicidade de ter o diploma? Quem me consolou quando não tive emprego? Quem me deu força quando tive dificuldades? Quem me consolou quando a minha mãe teve cancro? Quem me deu um abraço quando a minha avó se suicidou? Ninguém...Lá porque tenho um curso não significa que tenha a felicidade aos meus pés...Ainda a procuro... Quem ama e é amado que lute por esse amor...que faça tudo o que estiver ao seu alcançe para o manter vivo porque eu penso que há poucas pessoas que saibam na realidade o que é amar...sexo ...isso muitos têm...gratuito ou pagando...mas amor não se compra nem se arranja...nasce cá dentro...é um fenómeno como o eclipse solar...que aparece quando menos se espera...
Se encontrou o seu amor não o perca por nada deste mundo porque quem vive sem amor...tem cá dentro um enorme sentimento de um ser incompleto...que possa ser feliz...
Hoje estou triste e escrevi um texto triste...todos temos momentos assim...isto passará...às vezes lembro o que tento esquecer....
Felicidades


De jpcfilho a 13 de Julho de 2006 às 23:46

Silvia, tudo que você falou foi com muita propriedade, pois de que vale tantas coisas se vc não tem com quem dividir, ou e, conversar, e amar, e brincar, e tudo que só pode ser feito com amor, e a dois... Na verdade a felicidade não depende de tantas matérias, e sim e mais de uma bela companhia...beijos.


Comentar post

.Ao som de:


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 15 seguidores

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ficastes

. Quase ontem

. Denúncia

. ADEUS, AMIGO

. ...

. Bendito fruto

. ...

. Amor animal

. Interiores

. A partida

.Link em selo



.tags

. todas as tags

.pesquisar

 

.subscrever feeds