Quarta-feira, 9 de Agosto de 2006

A busca


'Adam et Eve' de Francis Picabia
          "Adam et Eve"  de Francis Picabia


A busca eterna
da pedra filosofal,
do excalibur...
A ânsia de revelar,
de tirar a venda
e de, finalmente,
conhecer o amor,
de encontrar
a arca sagrada,
de abrir
a caixa de Pandora,
de desvendar a esfinge,
transpor obstáculos,
criar expectativas,
incertezas
e todas as dificuldades
não importam.
Também não importam
os espinhos,
a saudade,
as chagas.
Queremos
nos aventurar
na missão
do Homem
de amar
e continuar
a procura,
de amor em amor,
de dor em dor,
incessantemente
e sempre...


De: João Costa Filho



publicado por jpcfilho às 21:25
link do post | comentar | favorito
8 comentários:
De Suzy a 9 de Agosto de 2006 às 21:57
OLá muito boa tarde, pois creio és do Brasil e penso que ainda é de tarde aí ;)
Hoje noto em ti mais esperança :) que bom!
Aventura-te! Mas com uma missão:
A de ser MuitoFeliz!
Um beijinho! :)


De jpcfilho a 9 de Agosto de 2006 às 23:20
Olá Suzy, sim sou do Brzsil e zqui agora é noite... Mas o grande pulo, é o amor, e correr atrás vale a pena... Existe algo maior?, Num acredito...beijos


De Silvia a 9 de Agosto de 2006 às 22:30
Uma venda...sim com venda tudo é mais fácil ...nos contos de princesas há vendas ...há um mistério envolto, uma enorme sedução...
Tirar a venda...sim é excitante pois é a descoberta e o coração bate mais forte.
Por fim...um final feliz...é assim nos contos de fadas.
Tal como a personagem fictícia que tires a venda e que possas ter um final muito feliz.
Desejo um lindo conto de fadas para você...com um final feliz e sem bruxas más...sonhe sempre porque enquanto há sonho há esperança...


De jpcfilho a 9 de Agosto de 2006 às 23:22
É Silvia, sempre temos vendas a tirar, e de vez em quando, ver o quenão viamos, e bola pra frente...Obrigado pelo comentário
beijos


De Sandy a 9 de Agosto de 2006 às 22:56
E sempre haverá mistérios para desvendar, segredos que alguém não irá calar, lendas que o povo irá inventar. Porquê? Porque a humanidade precisa de ocupar o espírito para além das coisas banais do dia-a-dia; o Homem precisa de questionar o mundo e continuará a questioná-lo sob a forma de histórias, contos, mitos, lendas... e poemas, tal como os teus. jokinhas


De jpcfilho a 9 de Agosto de 2006 às 23:24
Sandy, minha jovem, é isso aí temos que mitificar e ir descobrindo formulas de falar de amor...Gostei da presença...beijos


De Zalinha a 10 de Agosto de 2006 às 18:38
O amor comanda a vida:)e amar não tem que necessariamente ser com dor, espero que ames e sejas amado, mas sem dor;) gostei muito de mais este poema:)bjs


De jpcfilho a 11 de Agosto de 2006 às 08:55
Zalinha, cê ta certa, amar com dor num dá. Ogrande barato é amor+amor forever...beijos


Comentar post

.Ao som de:


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 16 seguidores

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ficastes

. Quase ontem

. Denúncia

. ADEUS, AMIGO

. ...

. Bendito fruto

. ...

. Amor animal

. Interiores

. A partida

.Link em selo



.tags

. todas as tags

.pesquisar

 

.subscrever feeds