Terça-feira, 29 de Agosto de 2006

Vampira


'Angel-Devil' de Nelli Khatmoullina
                                   "Angel-Devil"  de Nelli Khatmoullina


Estás a consumir-me,
pedaço a pedaço,
sugando
meus sentimentos,
minha honra,
minha dignidade,
meu espaço.
Já bebeste meus sonhos.
Depois de te fartares
em meu corpo,
de te saciares
em minha alma,
foste-te
e deixaste-me tatuada
toda a luxúria
de tuas insônias...
Muitas vezes, acordo
e sinto uma grande
vampira
beber-me, gota a gota,
e, exangue,
como um saco de papel,
deixo
o vento me levar...


De: João Costa Filho



publicado por jpcfilho às 21:32
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De Lu Rosario a 30 de Agosto de 2006 às 00:38
A paixão vem forte... se torna amor...nos enobrece... enfeitiça.... encanta........é tudo..........até que um dia se percebe que foi só uma vampira que veio te tornar diferente e lhe sugar o que havia dentro de si.

Beijos!

*Foi o que entendi.


De jpcfilho a 30 de Agosto de 2006 às 08:41
É isso aí Lu, o amor nos come um pouco da alma, e se é daqueles fortão, deixa o cara caidaço...beijos


Comentar post

.Ao som de:


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 16 seguidores

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ficastes

. Quase ontem

. Denúncia

. ADEUS, AMIGO

. ...

. Bendito fruto

. ...

. Amor animal

. Interiores

. A partida

.Link em selo



.tags

. todas as tags

.pesquisar

 

.subscrever feeds